Como fazer um webinar? Descubra aqui!

Não dá para fugir das facilidades do mundo digital! Saber como fazer um webinar é um conhecimento crucial para os produtores de conteúdo na internet. Venhamos e convenhamos: já não consumimos mais informações e materiais como antigamente, e essa mudança se estende até mesmo às palestras e aos seminários. 

Como fazer um webinar? Descubra aqui! | E-goi

Hoje em dia, o webinar é uma saída inteligente e moderna para os modos tradicionais de compartilhar conhecimento — sem falar na praticidade, afinal, a estrutura para a sua produção é muito mais enxuta do que a sala, as cadeiras, o telão, o controle remoto e demais itens necessários para montar uma apresentação presencial de qualidade.

Por esses motivos (e muitos outros!), vamos lhe ensinar, neste artigo, como fazer um webinar, abordando seus principais benefícios, dicas e melhores práticas. Vamos lá?

O que é um webinar?

O webinar consiste em uma aula online que compartilha conteúdos específicos para públicos específicos. A ferramenta é considerada uma estratégia de marketing e pode ser colocada em prática tanto em vídeos ao vivo quanto em materiais gravados anteriormente.

Além de uma forma excelente de gerar leads, o webinar permite uma maior aproximação entre produtores de conteúdo e público-alvo, bem como a criação de uma autoridade na rede sobre os assuntos abordados.

É possível, ainda, adaptar o conteúdo de um webinar a outros formatos. Ou seja: se você sabe como fazer um webinar, tem muito pano para manga no fortalecimento da sua presença digital.

Como fazer um webinar?

Notou que o webinar pode abrir várias portas para você no mundo online? Então, é hora de aprender, em detalhes, como fazer uma transmissão incrível. Existem alguns passos que devem ser seguidos e certos aspectos que pedem atenção redobrada no momento de produzir um conteúdo de qualidade.

Nós dividimos as etapas em planejamento, transmissão e divulgação. Acompanhe!

Planejamento

Não adianta decidir fazer um webinar, sentar, gravar e espalhar por aí, sem antes montar um planejamento estruturado que organize o seu conteúdo. Até porque, existe uma grande chance de você jogar o seu esforço no lixo com um resultado ruim ou ficar com uma marca negativa perante o seu público. Ninguém quer isso — e é por esse motivo que o seu primeiro passo é planejar.

Definição de objetivos

Comece colocando no papel quais são os seus principais objetivos com aquele webinar específico. Não é preciso escolher apenas um ser um, mas deve haver uma ordem de prioridades.

Isso vai lhe ajudar a entender como construir o seu conteúdo, para quem apresentá-lo e quais técnicas de marketing pôr em prática. Existem alguns objetivos mais comuns na hora de produzir um webinar, como:

Gerar leads

O webinar é uma ótima forma de gerar novos leads. Nesse caso, pense em conteúdos mais abrangentes, capazes de atrair o público para a sua página e seus conteúdos.

Qualificar leads

Aqui, você pode oferecer materiais especiais para quem assinar os seus conteúdos. Produzindo webinars mais focados, você leva os seus leads adiante no funil de vendas, trazendo-os para mais perto de uma possível assinatura paga dos seus conteúdos, por exemplo.

Investir em relacionamento

Conforme você constrói um público cativo, é essencial manter o relacionamento com essas pessoas. Como isso pode ser feito? Produzindo conteúdos de qualidade e mostrando para elas, o tempo inteiro, que valeu a pena assinar e acompanhar a sua página, blog, canal etc.

Definição de tema

Beleza. Você já entendeu o que é um webinar e definiu o seu objetivo com ele. Agora, é hora de se aprofundar no conteúdo, estabelecendo um tema. Se o que você busca é conquistar novos públicos, experimente assuntos um pouco mais abrangentes (sempre dentro da sua área de atuação).

Já se o vídeo busca fidelizar novas audiências, comece o processo de aprofundamento e educação desse público, com temas mais específicos.

Por outro lado, se o webinar é para aquele público cativo que já está super por dentro dos seus conteúdos, pense em um tema especial. Você pode investir em materiais únicos para grupos específicos.

Por exemplo, se você tem um blog que fala sobre games, que tal fazer um webinar sobre aquela fase bem avançada de um jogo em particular que você sabe que os seus seguidores adoram? Nesse caso, só terá acesso ao conteúdo quem já assinou alguma lista e é um lead qualitativo presente no seu canal de comunicação.

Desenvolvimento de roteiro

Não importa o quanto você entende do assunto que vai tratar. Um roteiro é essencial para não se perder durante a gravação e garantir que todos os tópicos serão cobertos, além de economizar tempo e retrabalho. Pense bem, se apresentadores profissionais com anos de estrada usam roteiros, é porque eles realmente fazem a diferença.

Transmissão

Atualmente, a melhor ferramenta para fazer e transmitir os seus webinars é o Google Hangouts on Air — inclusive, porque ela é gratuita e integrada ao YouTube, ou seja: praticidade e comodidade de todos os lados.

Definição de data e horário

É primordial que você defina datas e horários de acordo com as preferências do seu público. Não tem essa informação? Pergunte! Tente transmitir o webinar no horário de melhor audiência e mantenha um registro das suas transmissões, identificando padrões e oportunidades de melhoria.

Divulgação

Além de apostar nas redes sociais e de enviar um e-mail marketing com Call To Action (CTA), o melhor jeito de divulgar o seu webinar é por meio de uma landing page.

A landing page é uma página especial no seu site, voltada apenas para a divulgação de um produto ou serviço específico: no caso, o webinar. Nela, você pode solicitar que o público insira um e-mail de contato para ficar por dentro das novidades da sua transmissão e até mesmo para liberar o acesso ao material.

Lembre-se de inserir todas as informações pertinentes ao webinar, como horário, data, tema — e, é claro, capriche no texto e no design da página. Ainda que ela seja simples, é importante que tenha um aspecto convidativo e profissional.

Por fim, quando executar a sua transmissão, não deixe de realizar pesquisas de satisfação e de mensurar os resultados.

Pronto! Agora você já sabe como fazer um webinar. Que tal começar o seu planejamento hoje mesmo? Aproveite e acesse o nosso artigo com exemplos de landing pages para se aprofundar ainda mais no assunto.

  1. João Batista Figueiredo Antonio says:

    Valeu. Estou a aprender muito convosco, continuem assim espalhando conhecimento a quem precisa. Os meus parabéns a toda equipe.

    SAUDAÇÕES.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.